sábado, 28 de novembro de 2009

Niue - Nova Zelândia

Niue - Nova Zelândia

Niue é uma ilha nação e uma dependência da Nova Zelândia constituída pela ilha homónima e pelo Recife Antiope. Está situada no sul do Oceano Pacífico. É geralmente conhecida como a "Rocha da Polinésia". Embora tenha um governo próprio, está em livre associação com a Nova Zelândia. Niue está localizada a 2.400 km a nordeste da Nova Zelândia no triângulo formado por Tonga, Samoa e as Ilhas Cook. A sua capital é Alofi.


Niue - Nova Zelândia
 
História


Niue, sendo um lugar remoto, assim como tendo diferenças linguísticas e culturais entre seus habitantes e o resto dos habitantes das Ilhas Cook, foi administrada separadamente. A população da ilha continua a diminuir(de um máximo de 5.200 em 1966 para 2.100 em 2000) com uma emigração substancial para a Nova Zelândia.
Niue foi inicialmente habitada por marinheiros polinésios de Tonga, Samoa e das Ilhas Cook. O capitão James Cook foi o primeiro europeu a avistar a ilha, mas não pode desembarcar devido à oposição da população local. Em resposta, ele nomeou Niue "A Ilha Selvagem".

Niue - Nova Zelândia

Missionários cristãos da Sociedade Missionária de Londres converteram a maioria da população em cerca de 1846. Em 1887, o Rei Fataaiki escreveu à Rainha Vitória da Inglaterra, pedindo que Niue fosse colocada sob a proteção britânica, mas o seu pedido foi recusado. Em 1900, em resposta aos pedidos repetidos, a ilha transformou-se num protectorado britânico, e no ano seguinte foi anexada pela Nova Zelândia. Niue ganhou autonomia em 1974 associada à Nova Zelândia, que controla os assuntos militares e estrangeiros da ilha. A Niue foi oferecida autonomia em 1965 (juntamente com as Ilhas Cook, que aceitaram), mas esta pediu para que a autonomia fosse oferecida noutra década.

Niue - Nova Zelândia

Em Janeiro de 2004, Niue foi atingida por um ciclone devastador (Ciclone Heta) que deixou 200 dos 1600 habitantes da ilha desabrigados. Enquanto alguns residentes locais escolheram mais tarde não reconstruir as suas casas, o Ministro dos Assuntos Estrangeiros da Nova Zelândia Phil Goff especulou que o estatuto de Niue como uma nação autónoma associada à Nova Zelândia poderia ser colocado em questão se muitos residentes partissem da ilha comprometendo os serviços básicos. Logo depois, o Primeiro-ministro de Niue Young Vivian rejeitou categoricamente a possibilidade de alterar o relacionamento existente com a Nova Zelândia.





Um comentário: