quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Islândia

Islândia

A Islândia, oficialmente República da Islândia (islandês: Ísland ou Lýðveldið Ísland, AFI: é um país insular europeu, situado no Oceano Atlântico Norte. O país possui uma população de cerca de 320.000 habitantes e uma área total de 103.000 km². Sua capital e maior cidade é Reiquiavique, cuja área metropolitana abriga cerca de dois terços da população nacional. Localizada na Dorsal Meso-Atlântica, a Islândia é muito ativa vulcânica e geologicamente, o que define sua paisagem. O interior é constituído principalmente por um planalto caracterizado por campos de areia, montanhas e geleiras, enquanto vários grandes rios glaciais correm para o mar através das planícies. Aquecida pela corrente do Golfo, a Islândia tem um clima temperado em relação à sua latitude e oferece um ambiente habitável.


Islândia

Segundo Landnámabók, o povoamento da Islândia começou em 874, quando o chefe norueguês Ingólfur Arnarson se tornou o primeiro morador norueguês permanente da ilha. Outros exploradores já tinham visitado a ilha antes mas ficaram apenas durante o inverno. Nos séculos seguintes, os povos de origem Nórdica e Céltica se assentaram no território da Islândia. Até o século XX, a população islandesa era fortemente dependente da pesca e da agricultura e o território do país era, entre 1262 e 1918, parte das monarquias Norueguesa e, mais tarde, Dinamarquesa. No século XX, a economia e o sistema de proteção social da islândia desenvolveram-se rapidamente e, nas últimas décadas, o país tem implementado o livre comércio no Espaço Econômico Europeu, acabando com a dependência da pesca e partindo para novos domínios econômicos no setor de serviços, finanças e de vários tipos de indústrias. A Islândia é uma economia de livre mercado com baixos impostos em comparação com outros países da OCDE.O país mantém um sistema de previdência social nórdico, com prestação de saúde universal e de ensino pós-secundário subsidiado para os seus cidadãos.

Islândia

A cultura islandesa é baseada no patrimônio das nações nórdicas e no seu estatuto como uma sociedade desenvolvida e tecnologicamente avançada. A herança cultural do país inclui a cozinha tradicional islandesa, a poesia e as Sagas islandesas medievais. Nos últimos anos, a Islândia se tornou uma das nações mais ricas e desenvolvidas do mundo. Em 2007, o país foi classificado como o mais desenvolvido do mundo pelo Índice de Desenvolvimento Humano da Organização das Nações Unidas e com o quarto maior PIB per capita do planeta. Em 2008, entretanto, o sistema bancário do país falhou, causando contração econômica significativa e agitação política que levaram à antecipação das eleições parlamentares fazendo de Jóhanna Sigurðardóttir a nova Primeiro-Ministra do país.



Nenhum comentário:

Postar um comentário